Ultima atualização 11 de março

Falsas seguradoras: Atenção redobrada ajuda a não cair em ciladas

Golpistas se aproveitam do pagamento mensal de clientes e, em caso de sinistros, não pagam indenização. Executiva da Generali dá dicas para clientes não terem prejuízos

Recentemente, chamou a atenção de todo o Brasil um golpe em que criminosos criaram uma falsa companhia de seguro automóvel e se aproveitavam dos pagamentos mensais para lucrar em cima das vítimas. No ano passado, uma jornalista famosa também revelou que foi enganada e pagou mensalidade durante anos para falsários.

Nesse tipo de fraude, quando ocorrem os sinistros, a empresa simplesmente deixa de atender o cliente e não paga as indenizações acordadas em contrato.

De acordo com Claudia Lopes, diretora Comercial & Marketing da Generali, com bastante atenção aos detalhes é possível evitar cair nesse tipo de cilada. Ela elencou algumas dicas, mas a principal é sempre desconfiar de ofertas muito vantajosas e descoladas da realidade e pesquisar o nome da seguradora na internet para conferir sua reputação.

Confira abaixo as dicas da executiva:

Essa etapa é bastante simples, mas muito importante na busca por um seguro ou pela contratação de qualquer outro serviço, principalmente online. O ideal é fazer uma varredura na internet com o nome da empresa para verificar sua confiabilidade e reputação. Existem sites que fazem essa medição e são gratuitos.

Da mesma forma que é importante conhecer a seguradora, é essencial buscar informações sobre o corretor com quem você está tratando. Pode-se verificar, também na internet, se há algum caso mais delicado e que não foi resolvido, assim, evitam-se alguns problemas que podem surgir no futuro.

Essa dica é essencial também para todos. A leitura de contratos e documentos, focando nos detalhes, é uma etapa que não pode ser deixada de lado. Ao assinar um documento, sempre leia as cláusulas e, se não concordar com alguma condição, não assine.

Fechou contrato com o corretor? Peça para ter acesso à apólice do seguro. Esse é o documento que garante, inclusive com data/hora, o período que você estará segurado. Guarde a apólice em um lugar em que você não se esqueça, mesmo que ela seja enviada em formato virtual.

Em caso de sinistro ou dúvidas, o segurado pode acionar através do número de telefone ou canal indicado na apólice de seguro. Com isso, o segurado terá certeza que a apólice está ativa e a seguradora pode auxiliar no que for preciso.

– SMS: Desconfie de SMS enviados sem solicitação, principalmente se eles pedirem dados pessoais ou senhas. Não clique em links enviados por esse canal.

– Links: Seja por SMS, e-mail ou WhatsApp, nunca clique em links que pedem atualização de dados! Sempre atualize junto à seguradora, por canais oficiais.

– Ligações: Ao receber ligação em nome de uma seguradora, principalmente se a pessoa se apresentar como gerente ou responsável pela área de segurança ou prevenção a fraudes, desconfie. Você pode desligar e retornar em um canal oficial para verificar a veracidade.

N.F.
Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Ads Blocker Detected!!!

We have detected that you are using extensions to block ads. Please support us by disabling these ads blocker.

Powered By
100% Free SEO Tools - Tool Kits PRO
pt_BRPortuguês do Brasil