Ultima atualização 13 de novembro

Expo ABGR discute temas relevantes do gerenciamento de riscos

O número superou em 40% o público recebido nos dois dias da última edição do evento, que é realizado a cada dois anos

A cerimônia de abertura da Expo ABGR, evento que reúne gerentes de riscos, corretores de seguros, seguradores e resseguradores, contou com a participação da presidente da ABGR, Cristiane Alves; da superintendente da Susep, Solange Vieira; do diretor técnico e de estudos da CNseg, Alexandre Leal; do vice-presidente da Fenaber, Fred Knapp; e do presidente da FenSeg, Antonio Trindade. Na fala dos palestrantes, uma ideia foi recorrente: a necessidade de expandir a cultura da gestão de riscos no Brasil. “O mundo business não existe sem o mercado de seguros’’, resumiu Solange Vieira.

A superintendente da Susep também mencionou as medidas que foram aprovadas na segunda-feira, 11 de novembro, pelo Governo Federal, incluindo a extinção do Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT), que ela afirmou que não funcionava de forma adequada, e a desregulamentação dos corretores: “Não faz sentindo o órgão regulador ficar regulando um mercado que pode se portar de maneira autorregulada”, opinou.

Gestão de Riscos e Sustentabilidade

Logo em seguida, a palestra “Gestão de riscos e sustentabilidade’’ reuniu o jornalista da TV Globo André Trigueiro e o CEO da AXA XL, Renato Rodrigues, com mediação da advogada ambientalista e doutora em Ciências dos Recursos Naturais pela Unicamp, Eliane Poveda. Trigueiro, especializado em cobertura ambiental, falou sobre mudanças nos ciclos da chuva e afirmou que “eventos extremos afetam visceralmente o Brasil”. O repórter alertou que vivemos “a maior crise ambiental da história da humanidade” e chamou atenção para a urgência da indústria de seguros assumir responsabilidade ética para reduzir riscos. Renato Rodrigues comentou sobre essa responsabilidade do investimento, contando que desde 2016 a AXA XL não investe em clientes da área de tabaco, armas e carvão.

Programação da tarde

PL de Barragens

Participaram do painel “Projeto de Lei (PL) de Barragens’’ o gerente de Gestão de Risco da Juruena Participações e Investimentos Alexandre Maver, o superintendente da HDI Global Marcio Guerrero e o consultor de engenharia Marcos Moura.

A mediação da mesa ficou por conta de Walter Polido, sócio da Polido e Carvalho Consultoria em Seguros e Resseguros. Marcos Moura frisou a importância de conhecer os riscos da barragem desde o início do projeto. Discutindo projetos como o PL 3561/2015, o 3563/2015 e o 2791/2019, Alexandre Maver apresentou a visão do empreendedor, afirmando que os PLs tratam as barragens equivocadamente de modo homogêneo e, assim como Guerrero, se posicionou contrário à obrigatoriedade do seguro.

Garantias Contratuais

Sob a mediação de Ida Patrícia de Sá, risk manager na Embraer, o painel “Garantias Contratuais” abordou, dentre outras questões, a evolução do seguro garantia nos últimos anos com a regulação por meio de novos normativos.

“A tendência é de crescimento. Mas, este seguro precisa se popularizar para ganhar robustez e atrair capital estrangeiro, por meio do resseguro”, disse Roque de Holanda Melo, vice-presidente da Junto Seguros. Peter de Souza, gerente de Seguros da Brookfield, comparou o seguro garantia à carta fiança, concluindo que o seguro é melhor. “Na obra de uma usina, por exemplo, somente o seguro garante a conclusão da obra”, disse. Luiz Alberto Pestana, diretor da Fator Seguradora, e Leandro Freitas, diretor de Linhas Financeiras na MDS Brasil, também participaram da palestra.

Strategic Risk Management

Riscos nas áreas política, ambiental, regulatória e de segurança digital foram abordados na palestra “Strategic Risk Management”. Participaram Alvaro Trilho, diretor de novos negócios da Willis Towers Watson; César Rienzo, superintendente de riscos e compliance da Sompo Seguros; Javier Mirabal, diretor executivo da Fundalarys; e Paulo Silveira, gerente de riscos da Pepsico do Brasil, com mediação de Jorge Luzzi, presidente do conselho de administração da ABGR.

A plenária também teve foco na evolução do processo de construção da análise de risco, inclusive com a apresentação de cases de sucesso, o papel do risk manager na evolução do planejamento estratégico de risco e o processo de certificação e atualização profissional.

Mercado Brasileiro e Gestão de Riscos

A plenária “Mercado Brasileiro e Gestão de Riscos”, que encerrou o primeiro dia do evento, reuniu grandes CEOs da área de seguros. Ariel Couto, do MDS Group; Edson Franco, da Zurich; Marcelo Homburger,da Aon Brasil; Renato Rodrigues, da AXA XL; e Alexandre Leal, diretor técnico e de estudos da CNseg, com mediação de Jorge Luzzi, presidente do conselho de administração da ABGR, apresentaram importantes insights dos principais temas que impactam o mercado atual e as perspectivas para o futuro.

Leia mais sobre: Veja quem estará na Expo ABGR

O encontro promoveu uma análise geral relacionada ao câmbio e tendências, e como afetará o mercado nos dois próximos anos. Na sequência, os especialistas também abordaram a melhoria dos processos de gestão de risco junto com o avanço do compliance nas empresas, capacidade do setor, novos riscos e coberturas, além de promover um debate sobre o uso da tecnologia e da inteligência artificial na busca por soluções que facilitem o desenvolvimento de melhores produtos para o consumidor.

G.R
Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Ads Blocker Detected!!!

We have detected that you are using extensions to block ads. Please support us by disabling these ads blocker.

Powered By
100% Free SEO Tools - Tool Kits PRO
pt_BRPortuguês do Brasil