Ultima atualização 23 de maio

RSA Seguros muda estratégia de negócios para crescer no Brasil

Companhia realiza aporte de R$59 milhões e intensifica foco nos negócios de Transportes, Automóvel Frotas, Seguros para Pequenas e Médias Empresas e Afinidades

A RSA Seguros apresenta sua nova estratégia de negócios para o mercado brasileiro nos próximos três anos. A empresa intensificará os investimentos em quatro pilares estratégicos: Transportes, Automóvel Frotas, Seguros para Pequenas e Médias Empresas e Afinidades.
De acordo com o CEO da seguradora no Brasil, Thomas Batt, a operação brasileira atuará em um modelo de negócio mais eficiente para buscar melhor rentabilidade e oferecer excelência em serviços para corretores e clientes. “A companhia possui no seu DNA a oferta de produtos e serviços de qualidade e que sejam geradores de negócios rentáveis. Após análises criteriosas, a organização decidiu focar nos pilares de negócios em que somos reconhecidos pela proposta de valor diferenciado e com potencial de crescimento de receita e lucratividade”, esclarece Batt.
Com esse direcionamento, a partir de 1º de junho de 2014, a companhia deixará de comercializar os seguros dos produtos de Engenharia, Empresarial (com limite máximo de garantia acima de R$ 15 milhões), Responsabilidade Civil (sem estar atrelado aos produtos- foco) e Riscos Diversos. A empresa honrará seu compromisso e optou por estar próxima dos seus corretores, centrais de negócios, clientes e parceiros, para garantir a continuidade dos serviços e o atendimento durante o período de vigência das apólices.
“Dessa forma, esperamos um crescimento sólido nos pilares Transportes, no qual somos líder no segmento de embarcadores , Automóvel Frotas, em que somos referência de mercado, Seguros para Pequenas e Médias Empresas e Afinidades, com potencial para alavancar negócios. A empresa segue firme no propósito de oferecer produtos e serviços com excelência, e a implantação de mudanças em processos-chave promoverá melhorias significativas nos serviços para corretores e clientes”, comenta Batt.

T.C.
Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice