Ultima atualização 24 de abril

Após três meses de alta, seguro automóvel apresenta queda em março

De acordo com um estudo da TEx, o índice geral de seguro auto apresentou redução após três meses de alta, chegando a 6,6%

A TEx divulgou os números de Março de 2023 do IPSA (Índice de Preços do Seguro Automóvel). De acordo com o estudo, o índice geral de Seguro Auto apresentou redução após três meses de alta, chegando a 6,6%. Apesar da diminuição, o índice apontou um aumento de 13,8% no acumulado dos últimos 12 meses. Já na comparação com o mês anterior, houve queda de 1,5% em março.

Segundo Emir Zanatto, CEO da insurtech, nos últimos meses o IPSA vinha em um movimento de alta, devido ao aquecimento do mercado de veículos usados e seus efeitos nos preços e nas taxas de roubo e furtos, porém essa redução sinaliza “mais um cenário de estabilidade do que uma tendência de redução”, explica o executivo.

Para o executivo, o principal motivo por trás da manutenção da taxa é “uma maior convergência no mercado, após absorção e cálculo dos fatores como aquecimento do mercado de usados e taxas de roubo e furto, por exemplo, além de uma freada no aumento dos preços da tabela Fipe”.

O IPSA em março se manteve constante para o gênero masculino, 7,3%, ao mesmo tempo em que apresentou queda de 3,3% para as mulheres. “A distância entre os sexos nunca esteve tão grande nos últimos 12 meses, com os homens pagando 25,9% a mais que as mulheres”, diz Zanatto.

O estado civil também influencia no valor do seguro automóvel. De acordo com o IPSA, homens solteiros pagaram em média 10,7% no seguro de automóvel, sendo 70% mais caro que para homens casados, que pagaram 6,3% em média. Já entre as mulheres, a distância entre solteiras e casadas é menor 25,5%.

Observando o IPSA por faixa etária, o executivo destaca que a redução do índice geral afetou de forma similar quase todas as faixas etárias. “A exceção foi para a faixa dos 18 aos 25 anos que teve aumento de 1,8%”.

Dados regionais

A região onde o segurado reside é um fator muito importante na precificação do seguro, pois interfere diretamente nas taxas de roubo e furto. “Ao analisar por região, podemos observar que a Região Metropolitana do Rio de Janeiro pagou 7,4% (do valor do seguro do carro), aproximadamente 72,1% a mais em comparação a Região Metropolitana de Belém, que tem o valor do seguro na casa dos 4,3%”, afirma Zanatto.

Especificamente na cidade de São Paulo, o IPSA revela que o seguro na Zona Leste é 70% superior à região central. Já a Zona Sul de Belo Horizonte e de Recife tiveram os menores índices, respectivamente 3,9% e 4,6%. Na capital fluminense, a Zona Norte segue com o maior índice (8,6%) enquanto a Zona Sul do Rio de Janeiro obteve o menor valor (4,6%), apresentando uma diferença de 87%.

Em relação ao ranking dos carros mais cotados pelo TELEPORT, o Chevrolet Onix segue na liderança com 6,4% do volume total, seguido pelo Hyundai HB20 com 5,5% e o Hyundai Creta com 3,4%. Vale lembrar que o top 10 dos carros mais cotados representa 33,2% do total de automóveis cotados no mês de março.

Em relação à análise do IPSA de veículos híbridos, elétricos e à combustão com até dois anos de idade, os veículos de propulsões alternativas tiveram pequena participação no mercado geral em março, representando 2,7%.

Outro ponto destacado pelo executivo é justamente a variação do índice de veículos a diesel, que se manteve no topo com 5,7%, tendo se distanciado da gasolina, que caiu 2%. Já o índice de elétricos, mesmo com queda de 4,7%, superou o de híbridos no último mês. “Historicamente, os índices de propulsões alternativas são menores que os de veículos à combustão. Isso ocorre em grande parte por conta da manutenção mais simples e dos riscos menores de roubo e furto dos veículos híbridos e elétricos”.

Para baixar o Índice de Preços do Seguro Automóvel completo acesse o link.

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Ads Blocker Detected!!!

We have detected that you are using extensions to block ads. Please support us by disabling these ads blocker.

Powered By
100% Free SEO Tools - Tool Kits PRO