Ultima atualização 10 de fevereiro

MDS realiza movimentações executivas para fortalecer estratégia

Mudanças ocorreram nas áreas Saúde e Benefícios, Riscos Corporativos e Parcerias. As alterações na estrutura suportarão a continuidade do crescimento da empresa

A MDS Brasil anunciou mudanças em seu quadro executivo. Focadas nos níveis de vice-presidência e diretorias, as movimentações vão ao encontro das estratégias de crescimento e aprimoramento estabelecidas pela marca a médio e longo prazo.  

“A empresa tem crescido em escala, qualidade e capilaridade. Além das recentes aquisições, que seguem em um ritmo consistente desde 2018, a companhia tem investido em infraestrutura, ativos tecnológicos, capacitação de equipe técnica e parcerias com importantes players do mercado de seguros e corretagem”, explica Ariel Couto, CEO da operação brasileira. “O resultado de todas essas iniciativas é a clara transformação da empresa em uma opção ainda mais completa para nossos clientes e, consequentemente, para o mercado. As mudanças anunciadas, por um lado, reconhecem a performance de nossos executivos e, por outro, visa a trazer mais autonomia e representatividade para as diferentes áreas”, completa o líder. 

Paulo Loureiro

Paulo Loureiro, que era diretor executivo de Filiais, assume o cargo de vice-presidente de Saúde e Benefícios com a missão de implementar uma atuação comercial ainda mais diversificada e regionalizada, seja por equipe própria ou por meio de parcerias estratégicas. ‘’O setor de saúde, que é o carro-chefe nas operações das grandes brokers com atuação em Benefícios, conta com uma carteira de mais de 48 milhões de beneficiários, e encerrou o ano de 2021 com um crescimento de cerca de 66% em arrecadação.” De acordo com Loureiro, comercialmente e tecnicamente, o preço é um tema que desafia todos os stakeholders desse mercado: “Por isso, nossa expectativa de crescimento transcende o aspecto comercial e nos permite focar em ações de melhoria constante nas relações de custo x benefício para nossos clientes”, complementa. 

Ele ainda acrescenta que a estrutura de Health Intelligence será potencializada em 2022: “Essa área engloba análises estatísticas dos dados de utilização dos planos de saúde e, neste ano, será possível gerar insights ainda mais assertivos e endossar o desenvolvimento de soluções proativas para aprimoramento da gestão e promoção da saúde em temas mais sensíveis. Como consequência, toda essa cadeia bem estruturada proporcionará reduções nos índices de sinistralidade”, conclui o executivo.  

Modificações na diretoria 

Patrícia Martins

Patrícia Martins, que era superintendente de Parcerias, assume o cargo de diretora do canal. Conhecido como MDS Partners, o programa da empresa conta com mais de 100 parceiros de negócios em diversas regiões do Brasil e oferece condições e vantagens diferenciadas em relação aos demais programas similares do mercado. Na direção da área, Patrícia menciona a importância da parceria e de todo o acompanhamento dos contratos com as grandes corporações. “Atuamos em parceria com corretores, na dinâmica de corretagem. Já temos parcerias consolidadas com grandes empresas e efetuamos toda a assistência necessária aos nossos parceiros de negócios. Nossa perspectiva é ampliar a atuação, mantendo a excelência nessas demandas e trazendo parcerias que agreguem para a nossa carteira de clientes”, diz a executiva. 

Marcelo Ferreira

Já Marcelo Ferreira, que respondia pela Superintendência de Relacionamento, assume o cargo de diretor na área. “2021 foi um ano de muito trabalho, transformação e preparação para o time de Relacionamento. No intervalo de 12 meses, a nossa carteira de clientes para atendimento diário cresceu 80% e, consequentemente, o time também dobrou de tamanho”, explica o profissional.  Apesar de toda a conjuntura desafiadora do último ano, a área de Relacionamento atendeu todas as linhas de seguros e reteve todos os clientes. “Além disso, por meio de Cross Selling,  implementamos novas soluções à cadeia de patrimônio de clientes que já faziam parte do nosso portfólio e conseguimos contabilizar prêmios em torno de R$ 4,5 milhões. Para 2022, o desafio é trazer ainda mais senioridade à equipe”, destaca Ferreira. 

Willians Cruz

Por fim, Willians Cruz, que era superintendente de Sinistros, torna-se diretor da área devido ao desempenho exemplar da equipe no último ciclo. “Em 2021, vários dos nossos principais clientes experienciaram sinistros relevantes, complexos e desafiadores, entretanto, embora, grande parte destes sinistros ainda esteja em regulação, fechamos o ano com um aumento de mais de 25% nos valores indenizados, se comprados a 2020”, enfatiza o executivo. “O trabalho engajado e consultivo do time de Sinistros está em total sinergia com a equipe de Placement, e também conta com o apoio irrestrito do board da MDS. Para 2022, a meta é consolidar procedimentos mais simplificados para regulação e liquidação de sinistros”, finaliza Cruz. 

N.F.
Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Ads Blocker Detected!!!

We have detected that you are using extensions to block ads. Please support us by disabling these ads blocker.