Ultima atualização 25 de maio

ANS analisará coletivamente os processos contra planos de saúde

Análise será a partir de temas e por operadora. Além disso, equipe terá um reforço de 200 servidores temporários

Para acelerar a análise de processos de consumidores contra os planos de saúde, a ANS acaba de adotar uma nova forma de examinar as ações. Atualmente, já somam mais de 8,7 mil os processos em tramitação na agência.

Os processos passarão a ser apreciados coletivamente, a partir de temas e por operadora. Além disso, será feito um mutirão para análise dos processos que estão em andamento. A equipe terá um reforço de 200 servidores temporários, que deverão ser contratados em breve. Uma portaria autorizando a contratação deles será publicada no Diário Oficial da União na próxima semana.

As medidas foram anunciadas nesta quinta-feira, 21 de março, pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, e pelo diretor-presidente da ANS, André Longo, durante a 74ª Reunião da Câmara de Saúde Suplementar, no Rio de Janeiro. Entre os motivos que levaram às queixas estão negativa de cobertura, reajustes de mensalidades e mudança de operadora.

A proposta da nova metodologia de análise é que, ao invés de as reclamações dos usuários sobre planos de saúde serem analisadas uma a uma, sejam vistas coletivamente e por operadora. As queixas terão peso, conforme sua gravidade, e as multas serão aplicadas a partir do conjunto de reclamações, o que as tornarão mais rigorosas.

Reclamações sobre “negativas de coberturas” lideram as queixas de consumidores recebidas pela ANS. Em 2012, das 75.916 reclamações recebidas, 75,7% (57.509) foram referentes a negativas de cobertura. Dessas, 78% (44,5 mil) foram resolvidas por mediação de conflito, sem a necessidade de abertura de processos, informa a agência em nota publicada no site.

A ANS já havia modificado a forma de analisar essas ações. Em novembro de2011, anova análise de processos em segunda instância possibilitou o julgamento daqueles que possuíam mesmas características em bloco. Com isso, mais que triplicou o número de processos de consumidores finalizados no período de um ano. Em 2012, foram concluídos 2.032 processos, sendo que em 2011 foram 572.

Jamille Niero / Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Ads Blocker Detected!!!

We have detected that you are using extensions to block ads. Please support us by disabling these ads blocker.