Ultima atualização 28 de fevereiro

Lucro líquido da MetLife avança 9% e fica em R$ 37 milhões

A MetLife encerra o ano de 2011 na sua operação brasileira com lucro de R$ 37 milhões, que representa um aumento de 9% em relação ao ano anterior.
Com crescimento de 9,4% nos prêmios emitidos em comparação com o ano anterior, a companhia atingiu um valor de R$ 694 milhões.
A empresa acumulou um patrimônio líquido de R$ 406,9 milhões, 7% maior que o ano anterior, representando um montante de R$ 130 milhões acima do valor requerido pelas regras atuais de solvência. “A solidez das reservas deixa a MetLife em posição favorável para investimentos futuros. Estamos num momento muito importante para a MetLife no Brasil. Iremos transformar os resultados da companhia e ampliar sua competitividade no mercado com solidez financeira?, diz Mario Traverso, presidente da MetLife Brasil.
A companhia reduziu seu índice de sinistralidade de 46,4% em 2010 para 42,7%. ?Um dos nossos diferenciais é termos profissionais altamente capacitados em analisar riscos e realizar a precificação”, completa Traverso.
Os fundos de VGBL e PGBL acumularam, no conjunto, o montante de R$ 1,54 bilhão, crescimento de 21% em relação a 2010, reflexo da maior atratividade dos fundos que oferecem taxas diferenciadas e benchmarks mais adequados ao perfil dos clientes que procuram planos de previdência, com vistas o longo prazo.

MetLife no mundo
A MetLife, Inc. encerrou 2011 com lucro líquido de US$ 6,7 bilhões, representando um crescimento de 148% em relação a 2010. Enquanto o lucro operacional ficou em US$ 5,4 bilhões, 40% em relação ao período anterior.
O lucro operacional internacional de US$ 570 milhões, representando um crescimento de 89%, em grande parte, devido à aquisição da Alico em 2010.

J.N.
Revista Apólice Portal de seguros

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice