Ultima atualização 26 de abril

Demarest completa 75 anos e avança em transformação digital

Escritório atua em 22 áreas do Direito e reúne 75 sócios, que trabalham em conjunto a outros 600 profissionais, para atender mais de 2.000 clientes

Há 75 anos, o escritório Demarest desempenha papel fundamental no desenvolvimento da economia e de diversos setores industriais (automobilístico, químico, farmacêutico, agronegócio, papel & celulose e tecnologia, entre tantos outros), serviços (com destaque para instituições financeiras) e comércio (varejo), nos quais conquistou centenas de clientes.

Não à toa, o escritório foi o escolhido por um desses importantes clientes para criar o marco regulatório necessário para contribuir no combate à maior crise sanitária já enfrentada pelo Brasil e pelo mundo: a pandemia causada pelo coronavírus.

No cenário político-econômico, o protagonismo não foi diferente. Nos anos 90, o Demarest ajuizou centenas de ações contra a inconstitucionalidade de planos econômicos, criados sob o argumento de estabilizar a inflação, e protegeu os clientes de recursos confiscados, ajudando-os a manter seus negócios e os empregos que geravam.

Ainda na década de 90, o escritório foi pioneiro ao atuar em um novo setor, o meio ambiente, participando de projetos de energia que envolviam a concessão de licenças ambientais. E seguiu a tendência de inovar no Direito, criando áreas voltadas a segmentos como biotecnologia, seguros, previdência, comércio internacional, energia e infraestrutura, entre tantos outros.

Hoje, o escritório atua em 22 áreas do Direito e reúne 75 sócios, que trabalham em conjunto a outros cerca de 600 profissionais, para atender mais de 2.000 clientes dentro e fora do país.

Ao completar 75 anos, o Demarest intensifica a busca por inovação, característica presente no seu DNA desde o início: foi o primeiro escritório de advocacia a informatizar a contabilidade, o pioneiro na América Latina na implementação do sistema SAP de gestão empresarial na área administrativa, além de ser o primeiro do segmento a realizar um evento focado unicamente na busca de soluções tecnológicas para o setor jurídico, o Demoday, que reuniu startups (lawtechs e legaltechs) para apresentar suas ideias aos advogados e profissionais da área de TI.

Com o avanço da transformação digital e seus impactos na economia, o escritório lançou em 2021 o Disrupt, iniciativa criada para atender startups com soluções jurídicas inovadoras e adaptadas à realidade econômica e ao estágio de desenvolvimento de cada empresa. Mais de 100 startups de diferentes segmentos foram atendidas, desde então, pela equipe multidisciplinar de especialistas do Direito que integram o programa: advogados das áreas de fusões e aquisições (M&A), contratos, tributário, seguros, bancário, entre outros.

Para dar continuidade a este trabalho, o escritório segue com projetos que trazem automação e produtividade não só para a área administrativa, mas também para a jurídica e para os clientes. Entre as novidades está a adoção de novas ferramentas de IA e a implementação do Portal do Cliente, que vai propiciar uma linha direta de comunicação com as empresas, facilitando ainda mais o acesso e a prestação de serviços.

“Vamos seguir firmes no propósito de fazer a diferença em um processo de transformação que inclui crescimento de nossas áreas de atuação e investimento na diversidade, nas questões sociais, na inovação e no conhecimento, sempre buscando soluções que contemplem os clientes e busquem um país melhor e mais justo”, diz Paulo Coelho da Rocha, managing partner do Demarest. “A base de tudo isso está na atenção aos nossos talentos, dando continuidade a uma história que move gerações desde 1948, quando o escritório foi fundado por Kenneth Demarest e João Batista Pereira de Almeida”, completa.

Ao mesmo tempo em que se orgulha da trajetória histórica e do DNA inovador, o escritório mantém a sua responsabilidade corporativa alinhada às demandas sociais e a uma política de Diversidade & Inclusão. Em 2017, surgiu o D Mulheres, programa de equidade de gênero premiado pela ONU Mulheres e com ações que passaram a se tornar um exemplo e são reconhecidas no mercado, como a cerificação da consultoria Great Place to Work, sendo considerada uma das melhores empresas para as mulheres trabalharem.

O escritório continua trabalhando em prol da diversidade e inclusão e implementou ações voltadas à comunidade LGBTI+ e à promoção da equidade étnico-racial, com os grupos de afinidade D Mais e D Raízes, que há anos se tornaram grandes redes de apoio para os colaboradores do escritório e responsáveis por fomentar importantes debates sobre essas causas no meio jurídico.

Em 2022, o escritório conquistou o Selo Paulista da Diversidade, do Governo do Estado de São Paulo, e foi listado pelo Instituto Mais Diversidade entre as 38 melhores empresas para profissionais de LGBTI+ trabalharem.

Para criar impacto positivo na sociedade, o Demarest atua ainda com parcerias e ações voluntárias para promover a educação, a preservação do meio ambiente e a saúde das comunidades onde está inserido, com a iniciativa D Ao Redor, que reúne profissionais do escritório em atividades pro bono em prol de estudantes e moradores da região.

Passado e presente se unem e constroem o que está por vir, com um olhar para o aprimoramento profissional dos jovens do escritório por meio do D Futuro, programa dedicado ao desenvolvimento de estagiários, trainees e assistentes jurídicos. Com uma administração própria e eleita pelos próprios jovens, o programa desenvolve ações de acordo com as suas próprias pautas e demandas.

O conhecimento da quarta geração de advogados, que comanda atualmente o Demarest, também é compartilhado com os futuros profissionais do Direito. O escritório foi escolhido para ser o mentor da primeira turma do novo curso de Direito lançado pela ESPM neste ano.

A parceria já está em curso e se estenderá até o final da graduação da primeira turma, em 2027, com ensinamentos teóricos e práticos ministrados pelos profissionais do escritório. Muitos deles são professores e pesquisadores renomados e constam nos mais respeitados rankings do setor, como Chambers, Latin Lawyer, The Legal 500, IFLR, Leaders League e Análise Advocacia.

O objetivo é que esses jovens advogados do futuro tenham uma visão do Direito e do mundo dos negócios que responda às demandas de uma economia cada vez mais criativa e colaborativa.

“Formar novas gerações de profissionais é um desafio e um prazer para todos os sócios do Demarest, sempre atentos às transformações no Brasil e no mundo, trazendo ao mercado o que há de mais inovador na forma de advogar e nas mais diversas áreas de atuação, para prestar um atendimento de excelência aos nossos clientes”, diz Rocha.

Incentivar o conhecimento e permitir que os seus cerca de 600 profissionais avancem em suas carreiras são ações que fazem parte da rotina do escritório. O D Academy, universidade corporativa do Demarest, é uma plataforma projetada para o desenvolvimento multidisciplinar dos profissionais, de forma sustentável e colaborativa. Desde a sua criação, em julho de 2019, quase 2.000 mil pessoas passaram por mais de 36.500 horas de treinamento por meio de parcerias com instituições como FGV, IBMEC, Saint Paul, ISE Business School e Harvard Business.

N.F.
Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Ads Blocker Detected!!!

We have detected that you are using extensions to block ads. Please support us by disabling these ads blocker.

Powered By
100% Free SEO Tools - Tool Kits PRO