Ultima atualização 01 de novembro

Resultados financeiros da Chubb Limited

Lucros Líquido e Operacional foram de US$ 1,3 bilhão; Prêmios Retidos de P&C aumentaram 5,6%, chegando a US$ 7,5 bilhões

Resultados – A Chubb Limited divulgou o Lucro Líquido para o trimestre encerrado em 30 de junho de 2018, de US$ 1,294 bilhão, ou US$ 2,76 por ação, comparado com US$ 1,305 bilhão, ou US$ 2,77 por ação, no mesmo trimestre do ano anterior. O Lucro Operacional foi de US$ 1,253 bilhão, ou US$ 2,68 por ação, em comparação com US$ 1,180 bilhão, ou US$ 2,50 por ação, no mesmo trimestre do ano passado. O Índice Combinado de P&C foi de 88,4%. O Valor Contábil por ação diminuiu 0,1% e o Valor Contábil Tangível por ação aumentou 0,5%, em relação a 31 de março de 2018 e, atualmente, é de US$ 109,97 e US$ 66,00, respectivamente. O Valor Contábil e o Valor Contábil Tangível por ação foram desfavoráveis pelas perdas realizadas e não realizadas de US$ 407 milhões, pós impostos na carteira de investimentos da empresa, impulsionados pelo aumento das taxas de juros. Além disso, a movimentação de moedas estrangeiras impactou desfavoravelmente o valor contábil em US$ 457 milhões e o valor tangível em US$ 200 milhões, ambos pós impostos.

Resumo do segundo trimestre (em milhões, exceto por valores por ação. Não auditado)

Para os trimestres encerrados em 30 de junho dos anos de 2018 e 2017, as Despesas Tributárias (benefícios) relacionadas à tabela acima foram de US$ (3) milhões e US$ (22) milhões, respectivamente, para despesas de integração da Chubb; US$ (11) e US$ (20) milhões, respectivamente, para amortização do valor justo do patrimônio investido adquirido e dívidas de longo prazo; US$ 14 milhões e US$ 19 milhões, respectivamente, para o ajuste de ganhos e perdas líquidas realizadas; e US$ 218 milhões e US$ 223 milhões, respectivamente, para o Lucro Operacional.

Para o semestre encerrado em 30 de junho de 2018, o Lucro Líquido foi de US$ 2,376 milhões, ou US$ 5,07 por ação, comparado a US$ 2,398 milhões, ou US$ 5,08 por ação, em 2017. O Lucro Operacional foi de US$ 2,350 milhões, ou US$ 5,01 por ação, comparado com US$ 2,355 milhões, ou US$ 4,99 por ação, em 2017. O Índice Combinado de P&C foi de 89,2% para o semestre encerrado em 30 de junho de 2018. O Valor Contábil por ação caiu 0,3% e o Valor Contábil Tangível por ação aumentou 0,2% em relação a 31 de dezembro de 2017. O Valor Contábil e o Valor Contábil Tangível por ação foram impactados desfavoravelmente pelas perdas líquidas realizadas e não realizadas de US$ 1,345 milhão, após os impostos, na carteira de investimentos da empresa. Além disso, a movimentação de moedas afetou desfavoravelmente o Valor Contábil em US$ 147 milhões e o Valor Contábil Tangível em US$ 64 milhões, ambos após os impostos.

Resumo de seis meses terminados (em milhões, exceto por valores por ação. Não auditado)

Para os primeiros seis meses encerrados em 30 de junho dos anos de 2018 e 2017, as Despesas Tributárias (benefícios) relacionadas à tabela acima foram de US$ (5) milhões e US$ (59) milhões, respectivamente, para as despesas de integração da Chubb; US$ (20) milhões e US$ (44) milhões, respectivamente, para amortização do ajuste do valor justo do patrimônio investido adquirido e dívidas de longo prazo; US$ 11 milhões e US$ (17) milhões, respectivamente, para os ajustes ganhos e perdas líquidas realizadas; e US$ 367 milhões e US$ 414 milhões, respectivamente, para o Lucro Operacional.

Evan G. Greenberg, Chairman e CEO da Chubb Limited, comentou: “O lucro operacional por ação da Chubb no segundo trimestre subiu mais de 7% em relação ao ano anterior, impulsionado por excelentes resultados de subscrição e investimentos. Nosso Índice Combinado de 88,4% em P&C beneficiou-se do resultado do Índice Combinado de Subscrição do ano atual e reversões positivas de reservas de anos anteriores, enquanto a Receita Líquida de Investimentos ajustada subiu 4%”.

“O Prêmio Líquido Emitido de P&C aumentou 5,6% no trimestre, com forte desempenho em muitos de nossos negócios globais, como nossas divisões de linhas corporativas e individuais nos EUA, além de nossas operações de P&C na Ásia e na América Latina, ambas gerando crescimento de dois dígitos. Estamos nos beneficiando de oportunidades que só são possíveis devido ao aumento da escala e das capacidades criadas pela Chubb de hoje. Isso inclui várias iniciativas de crescimento, como por exemplo, nossas divisões de Seguros para Pequenas e Médias empresas na América do Norte e Mercados Internacionais, e o nível de investimentos que estamos fazendo em nossos recursos digitais para melhorar o nosso perfil competitivo.

“Estamos aproveitando as condições de mercado que continuam a melhorar nos EUA e em mercados internacionais, apoiado pelo aumento dos preços comerciais de P&C no trimestre, o melhor que já vimos nos últimos tempos. Nós emitimos mais negócios novos, enquanto as renovações de nossos clientes atingiram níveis recordes de retenção. Em suma, nossa organização está funcionando a todo vapor e estamos otimistas sobre nossa capacidade de continuar performando em alto nível”.

M.S.
Revista Apólice

Compartilhe no:

Assine nossa newsletter

Você também pode gostar

Feed Apólice